As origens em 1588



   
 

A história da Casa de Croft começa ao longo de quatro séculos atrás, na cidade de York, à época um dos principais centros de comércio em Inglaterra.
 

Fotografia arérea de York 
 
Desde 1581 que o monopólio do comércio da cidade era detido pela Merchants Company of York. Em 1588, Henry Thompson, membro de uma proeminente família do condado de Yorkshire, foi admitido na Merchants Company e constituiu um bem-sucedido negócio de vinhos. Esta empresa tornou-se a casa de vinho do Porto que hoje conhecemos como Croft.
 
A família Croft também tinha membros ilustres na comunidade mercantil em York, e as famílias Thompson e Croft certamente já se conheceriam. No entanto, só muito mais tarde é que os Crofts se envolveriam no negócio de Thompson.
 
Entretanto, a empresa de vinhos Thompson’s continuava a prosperar. Em 1647 a empresa tinha adquirido caves de vinho em Bordéus e também se tinha estabelecido em Hull, Londres e Amsterdão. À semelhança de outros comerciantes de vinho da época, a empresa Thompson’s não negociava apenas em vinho. As embarcações que fretavam para o transporte de vinhos das regiões vitivinícolas para o norte da Europa, transportavam igualmente outros bens, tais como têxteis, normalmente na viagem de regresso.